Aprenda AGORA Português

Avaliação de concordância verbal e nominal


A avaliação abaixo está pronta para ser usada. seja como exercícios de reforço para seus alunos, seja para aplicar com avaliação de verificação de rendimento. Use-a com responsabilidade sabendo que seus alunos têm acesso a este blog também.

1. Leia:
"Apesar de não termos ilusões quanto ao caráter das nossas elites, existia uma certa resistência a essa espécie de niilismo a que o Brasil nos leva. 2Os escândalos na área financeira estão acabando até com isso. 3Fica cada vez mais difícil espantar os burgueses. 4Os burgueses não se espantam com mais nada. 5Alguns talvez se surpreendam quando ouvem um filho pequeno ou um neto repetindo uma letra dos Mamonas, mas nestes casos o espanto é divertido, ou pelo menos resignado. 6A necessidade de se ser absolutamente claro sobre que tipos de atividade sexual causam AIDS e como fazer para preveni-la acabou comqualquer preocupação da imprensa e da propaganda com o pundonor (grande palavra) alheio, embora ainda façam alguns rodeios. 7A linguagem ficou mais leve, ficamos menos hipócritas. 8Burgueses empatáveis ainda existem, mas o acúmulo de agressões a seus ouvidos e pruridos os insensibilizou e hoje, se reagem, não é em público. (Veríssimo, L. F. Conluio. Porto Alegre: Extra Classe, junho/julho de 1996. p.3)
Observe as seguintes afirmações sobre concordância.
I.    Caso a palavra alguns  no 5º período fosse substituída por alguém, apenas dois verbos deveriam sofrer ajustes para fins de concordância.
II.   Caso tivéssemos o burguês  ao invés de burgueses  no 8º período, quatro outras palavras deveriam sofrer ajustes para fins de concordância.
III. Caso a sequência, da imprensa e da propaganda (6º período) fosse substituída por da mídia, o verbo façam (6º período) deveria sofrer ajuste para fins de concordância.
Quais estão corretas?
(     ) Apenas I
(     ) Apenas I e II
(     ) Apenas I e III
(     ) Apenas II e III
(     ) I, II e III

2. Leia:
A S. Paulo
1    Terra da liberdade!
2   Pátria de heróis e berço de guerreiros,
3   Tu és o louro mais brilhante e puro,
4   O mais belo florão dos brasileiros!
5    Foi no teu solo, em borbotões de sangue
6   Que a fronte ergueram destemidos bravos,
7    Gritando altivos ao quebrar dos ferros:
8   Antes a morte que um viver de escravos!
9   Foi nos teus campos de mimosas flores,
10 À voz das aves, ao soprar do norte,
11  Que um rei potente às multidões curvadas
12 Bradou soberbo - Independência ou morte!
13  Foi de teu seio que surgiu, sublime,
14 Trindade eterna de heroísmo e glória,
15  Cujas estátuas, — cada vez mais belas,
16  Dormem nos templos da brasília história!
17  Eu te saúdo, ó majestosa plaga,
18  Filha dileta, - estrela da nação,
19  Que em brios santos carregaste os cílios
20 A voz cruenta de feroz Bretão!
21  Pejaste os ares de sagrados cantos,
22  Ergueste os braços e sorriste à guerra,
23  Mostrando ousada ao murmurar das turbas
24 Bandeira imensa da cabrália terra!
25  Eia! - Caminha o Partenon da glória
26  Te guarda o louro que premia os bravos!
27  Voa ao combate repetindo a lenda:
28  - Morrer mil vezes que viver escravos!
(Fagundes Varela, O estandarte auriverde. Poesias completas. São Paulo, Ed. Saraiva, 1956, p. 85-86)
Assinale a opção em que a concordância nominal indicada entre parênteses não é aceita pela norma culta:
(     ) Aprecio a cultura e a história ......................................... (européia)
(     ) Procure sempre comprar jornais e revistas ....................................(brasileiros)
(     ) Esses meninos estão com os pés e as mãos........................................(sujas)
(     ) Encontrei .................................... as cadeiras e o sofá. (reformadas)
(     ) Essa professora contou-nos ........................................... lendas e contos. (antigos)

3. Assinale, a letra correspondente à alternativa que preenche corretamente as lacunas da frase apresentada.
_______desse jeito, as salas e os quartos do Educandário
_______muito mal_______a comitiva do Governador.
(     ) Desarrumados - deixarão – impressionada
(     ) Desarrumados - deixarão – impressionados
(     ) Desarrumadas - deixará – impressionados
(     ) Desarrumado - deixarão – impressionada
(     ) Desarrumado - deixará – impressionada

4.  Há muitas flores belas no mundo, e a flor de milho não será a mais linda. Mas aquele pendão firme, vertical, beijado pelo vento do mar, veio enriquecer nosso canteirinho vulgar com uma força e uma alegria que fazem bem. É alguma coisa de vivo que se afirma com ímpeto e certeza. Meu pé de milho é um belo gesto da terra. E eu não sou mais um medíocre homem que vive atrás de uma chata máquina de escrever: sou um rico lavrador da Rua Júlio de Castilhos.(Dezembro, 1945. Rubem Braga)
"Mas aquele pendão..." Suponha que o início desse período seja: "Mas aqueles...". Reescreva o período, fazendo apenas as alterações que se tornarem gramaticalmente necessárias.

5. Explique por que as frases de cada par seguinte têm "comportamentos" diferentes quanto a concordância nominal:
a)  Comida é bom.
Uma comida sem gordura é boa à saúde.
b)  É proibido entrada.
É proibida a entrada de estranhos.
6. Complete convenientemente com as palavras entre parênteses:
a)  Muito______, disse a mulher, (obrigado)
b)  Os alunos_______leram suas redações. (mesmo)
c) _______ao processo estão as cópias dos relatórios.(anexo)
d)  Os vigias mantinham-se_______. (alerta)
e)  Ela estava_______desconfiada, (meio)

7. Complete convenientemente com as palavras entre parênteses:
a) Essa água é_______. (bom)
b) Pimenta é   para tempero, (bom)

8. O período a seguir apresenta quatro segmentos entre aspas, que podem estar corretos ou conter um erro. Assinale a letra correspondente ao segmento incorreto. Se não houver erro, assinale a alternativa (e). Nesse caso, "trata-se" (a) de questões "mal"(b) resolvidas, e ele está "a" (c) par disso, mas não "quis" (d) admitir o fato. "Sem erro" (e).

9. Está adequadamente flexionada a forma em destaque na frase:
(     ) Ele não deixou satisfeito nem a crítica, nem o público.
(     ) Todos achamos difíceis, nas provas de Física e Matemática, a resolução das questões, finais.
(     ) O sofá e a banqueta ganharam outro aspecto depois de consertado.
(     ) A culpa deles aparecia como que inscritas em suas feições, denunciando-os.
(     ) Ele considerou inúteis, na atual circunstância, as medidas que ela sugeria.

10. Leia:
A língua envergonhada
"Antigamente (e, na década da onda nostálgica, o advérbio aqui não deve soar mal), havia um certo interesse - natural e provocado pelo sistema de ensino - em conhecer, ao menos por alto, os mestres do idioma vigente no país. (...)
Escrevendo, estamo-nos expondo à crítica implacável dos que sabem e oferecendo um exemplo aos que sabem menos do que nós. Daí a responsabilidade - mais do q*ue isso, o dever - de escrever corretamente." (Lago Bumeti)
Observe que, na coluna 1, são apresentados fragmentos do texto que atendem à norma-padrão, no que se refere à:
1.   concordância verbal ("... havia um certo interesse ...")
2.   colocação do pronome oblíquo átono ("... estamo-nos expondo ...")
3.   concordância nominal ("... os mestres do idioma vigente ...")
4.   regência ("... estamo-nos expondo à crítica ...")
5.   acentuação ("... e, na década da onda nostálgica ...")

Na coluna 2, identifique a razão dos desvios gramaticais. Feito isto, estabeleça a correspondência:

(   ) Apenas exijo mais amor e menas compreensão.
(   ) O presidente não encontra-se, no momento.
(   ) Quando pensamos que ninguém nos ve, somos nós que não vemos.
(   ) O seminário começa de duas horas.
(   ) Não pode existir muitas pressões sobre nós.
A sequência correta é:
(     ) 2, 3, I,4 e 5
(     ) 1,2, 5, 4 e 3
(     ) 3, 2, 5, 4 e 1
(     ) 1, 2, 3, 4 e 5
(     ) 2, 4, 5, 3 e 1

11. Para o preenchimento das lacunas, observe os termos 1 e 2, nos parênteses:
___dois minutos para o final do jogo.
1. ___ (1. Falta/2. Faltam).
2.   Não ______ jogos, porque o campo estava alagado. (1. houve / 2. houveram).
3.   - Você quer bem aos seus colegas? - Sim, eu______quero bem. (1. os / 2. lhes).
4.   - Luís, observe que todos estão______. (1. alerta/2. alertas).
5.   Chegou tarde______casa dos amigos. (1. na / 2. à).
A sequência correta é:
(     ) 1, 1,2, 1 e 1
(     ) 1, 1,2, 1 e 2
(     ) 2, 1, 1, 2e 1
(     ) 2, 1, 2, 1 e 2
(     ) 1, 2, 2, 1 e 2

12. Leia o slogan abaixo:
"A cerveja que desce redondo." Justifique a concordância utilizada.

13. Responda:
a)   Qual é a cor do cavalo branco de Napoleão Bonaparte?
b)  Corrija,se necessário, a frase abaixo:
A escola paulistana "Camisa Verde e Branco" fez um ótimo carnaval.

14. Em relação à concordância ideológica, analise as orações abaixo:
I. "Há desenganos que fazem a gente velho." (Machado de Assis)
II. Os sobreviventes, emocionados, abraçamos os homens que vinham nos salvar.
III. Essa turma é terrível! Como falam da vida alheia!
IV.  Os brasileiros gostamos de futebol.
Ocorre silepse de gênero e número, respectivamente, nas orações:
(     ) I e II apenas.
(     ) II e IV apenas.
(     ) I e III apenas.
(     ) III e IV apenas.

15. Leia as frases abaixo:
I.    "Paulo pegou o ônibus correndo."
II.   "Sim,   meu   filho,   neste   momento   tens   meu consentimento para o casamento."
III. "Nosso hino é o mais belo do mundo."
IV.  "Há três meses atrás eu já previa o resultado."
Há vício de linguagem nas frases:
(     ) I, II, III e IV.
(     ) I, II e III apenas.
(     ) I e III apenas.
(     ) II e IV apenas.

Gostaria de receber nossa newsletter e brindes exclusivos?

2 comentários :

  1. achei interessante ,porém senti falta do gabarito! Um grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vida, esta é uma prova que usei em minhas aulas. Não fiz gabarito para ela. Mas se quiser responder as questões aqui na seção dos comentários, podemos interagir com outros leitores e, assim, conferirmos o gabarito juntos.

      Excluir